The Flash!

2 de jun de 2015
Oi meu povo bonito,
Eu estive numa caverna junto com meu notebook nesses últimos dias para conseguir me atualizar nas minhas séries (que não são poucas, como vocês sabem) e acabei fazendo o que? Isso mesmo, começando uma nova. Como eu já havia dito, meu melhor amigo me obrigou a assistir The Flash e eu nunca serei tão grata por isso, afinal, eu me apaixonei por Barry Allen.


Bem, para você que não manja nada do universo DC Comics, The Flash se chama na verdade Barry Allen e ele foi atingido por um raio que o tornou um meta-humano: o homem mais rápido do mundo! Mas como eu não sou a melhor pessoa para explicar isso, dá uma olhadinha na sinopse:

"Após testemunhar o estranho assassinato de sua mãe e a injusta acusação de seu pai pelo crime, Barry Allen fica sob os cuidados do detetive Joe West e sua filha Iris West. Allen se torna perito trabalhando para o Departamento de Polícia de Central City. Sua obsessão por seu trágico passado faz com que ele fique separado das demais pessoas ao seu redor. Ninguém acredita em sua descrição do crime e Allen é forçado à procurar por si mesmo pistas que limpem o nome de seu pai. Quatorze anos depois da morte de sua mãe, um mal funcionamento no avançado Acelerador de Partículas, durante sua apresentação ao público, banha a cidade com uma forma de radiação previamente desconhecida durante uma tempestade. Barry é atingido por um raio da tempestade e banhado em produtos químicos em seu laboratório. Acordando depois de um coma de nove meses, ele descobre que tem a habilidade de se mover mais rápido que qualquer ser humano. O Dr. Harrison Wells, criador responsável pela falha do Acelerador de Partículas, descreve a natureza especial de Barry como um "meta-humano"; Barry, mais tarde, descobre que ele não é o único que mudou com a radiação. Ele promete usar seus poderes para proteger Central City dos riscos criminais dos meta-humanos. E então, associado por alguns amigos próximos que guardam seu segredo, adquire uma nova personalidade conhecida como Flash."

O que me atraiu em Flash foi a desenvoltura da história, eu não curto muito quando a série fica presa numa mesma história ao mesmo tempo, e apesar da temporada inteira Barry correr atrás de pistas para achar o Flash Reverso, outras coisas acontecem, a série toma outros caminhos também e isso me atrai muito, não é só aquele negócio no estilo "Who is A?" que vamos concordar (fãs de PLL ai?) já está bem chato. Eu assisto Arrow, então mesmo que eu tenha começado a assistir por pressão, a série já estava na minha lista, fico feliz de tê-lo adiantada. Tirando o fato de Grant Gustin ser um ótimo ator e bem gato, ele trabalha muito bem no papel do velocista escarlate. Não só ele, como todo o elenco funciona muito bem no conjunto.

Se você não curte começar uma nova série que esteja meio adiantada, isso não é desculpa, The Flash ainda está em sua primeira temporada, então aproveita que as férias estão chegando e assista.

 
Beijos da Mands


0 comentários:

Postar um comentário

 
© Biblioteca do coração - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda. Se inscrevam clicando aqui
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo