[CRÍTICA] Convergente

21 de mar de 2016
Oi amores! Tudo certo? Espero de coração que sim!
Esse final de semana fui conferir o filme Convergente, o terceiro da série Divergente, o filme foi baseado nos livros que são 3 precisamente, porém o filme foi divido em 2 partes, logo teremos 4 filmes.... Vai entender né?

Por isso, hoje irei fazer uma pequena análise do que rola no filme e por fim o que eu achei, vamos lá!




Para quem leu os livros sabe que os outros dois filmes não foram tão fiéis assim, esse não foi diferente. O filme convergente conta a aventura de Tris, Quatro, Caleb e Peter que resolvem atravessar o muro e descobrir o que tem do outro lado, eles estão habituados a viverem dentro da cidade de Chicago, divididos por facções, depois que a mãe de Quatro se rebela e toma o poder de Jeanine, as facções passam a ser inexistentes e há vários julgamentos feitos para decidir o destino das pessoas que trabalharam para Jeanine. Claro que há um grupo que não concorda com toda essa matança e vingança que rola durante a história e acabam criando um grupo denominado Os Leais, que desperta uma pequena raiva em Evelyn. Não é só isso que a deixa fora dos eixos, a rebeldia de seu filho que resolve desobedecer suas ordens e junto com a Tris atravessar o muro a deixa de cabelos em pé! 
Já do outro lado do muro, os quatro personagens descobrem a grande verdade sobre a vida deles e o que aconteceu com o mundo inteiro que está completamente destruído, sobraram apenas alguns seres humanos que foram colocados na cidade de Chicago, separados por facções e são estudados pelo conselho, após serem analisados eles são classificados como geneticamente puros e danificados, porém nem todos nessa história são sinceros ou nem toda a história é verdadeira.


A história do filme é boa, há cenas que não condizem com o livro, mas é aquele famoso ditado: vamos fazer o que né?
Os efeitos especiais não são tão bons quanto o esperado, toda a realidade futurística ficou boa, os carros, os espaços, as armas, elas foram muito bem montadas e criadas, porém há cenas em que os efeitos deixaram a desejar, como uma cena de banho para desintoxicar, é algo fora do comum e nada convincente, a mera imagem de uma bolha que os fazem flutuar é completamente estranho e avulso na história!
As interpretações são boas, o contexto também, faltou emoção ao longo do filme, o desenrolar da história deixa um pouco a desejar...

Para quem não leu os livros, talvez ache o filme bom, porém ironicamente há muitas divergências haha....
O filme não atendeu minhas expectativas, mas aguardo ansiosamente a segunda parte, vai que eles capricham mais nos efeitos e passam a explorar mais as reações e emoções dos personagens!

As cenas de ação foram boas, tivemos algumas cenas engraçadas que nos distraíram um pouco, nada muito revelador. Apesar de esperar um pouco mais do filme, quem é fã da saga pode ir conferir nos cinemas, há sempre opiniões diversas sobre o filme.

Vou deixar o trailer  aqui para vocês darem uma olhada, espero que tenham curtido e se você já assistiu nos conte o que achou! 


Super beijos,
Lua



2 comentários:

  1. AAAH você assistiu!! Ainda não tive a oportunidade. Ironicamente não estou tão animada, justamente pelas divergências entre o livro e os filmes, mas como você mesmo disse, fazer o que né! O jeito é aproveitar assim mesmo! ótima crítica!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente! Apesar das diferenças, vale a pena conferir, está legal a ideia do filme, uma pena não estar fantástico igual o livro!

      Excluir

 
© Biblioteca do coração - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda. Se inscrevam clicando aqui
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo