House of Cards

4 de out de 2016

Olá meu Brasil, tudo certo?
Quando consegui meu estágio eu entrei em outro mundo, me senti consumida pela política, vivia e respirava isso todos os dias, mas era da melhor forma possível. 
Uma das indicações do meu chefe foi assistir House Of Cards e eu só queria fugir da temática da série, resolvi dar uma chance e óbvio que eu viciei! Por conta do trabalho e da correria toda eu não consegui terminar tudo, mas já tenho muitas coisas boas para contar!

"Decisões baseadas em emoções não são decisões. São instintos."

Na primeira temporada, nós acompanhamos Francis Underwood, ele é congressistas democrata da Carolina do Sul, após assegurar a eleição do presidente Garret Walker, tendo como objetivo torna-se secretário de Estado, ele acaba ficando arrasado quando descobre que está a ser preterido. A partir daí ele se mostra um cara controlado, esconde a decepção, mas ele e sua mulher Claire, que trabalha em uma Ong, acabam iniciando um plano com o objetivo final de ganhar poder para si mesmo.



Uma das coisas que me deixaram viciada na série, além da temática, é a forma como o diretor abordou as filmagens, na maior parte do tempo entendemos os planos do Francis, pois a quarta parede é quebrada e ele está sempre dialogando conosco, assim nos sentimos não só íntimos, mas também por dentro de tudo que ele está planejando!

"Amigos fazem os piores inimigos."

A série é INCRIVELMENTE maravilhosa, agradeço imensamente ao Rodrigo por ter indicado (haha). A produção é incrível, fotografia muito boa também e trilha sonora supimpa! 
O figurino acho que não tem muito o que falar, já que na maior parte das cenas é um traje formal, como é de se esperar, mas não falta elegância.

Sobre os personagens, não são todos que me agradam, claro, tem uma jornalista no meio da história que se da super bem divulgando alguns babados da casa branca nos jornais, parte do plano do Francis, mas infelizmente não consigo gostar dela, pra mim ela estraga a graça do casal Claire e Francis, mas eu entendo que em certas partes ela é importante pra história.

"A ambição tem um poderoso apetite."


Quem me conhece sabe que eu super shippo o casal mais errado do rolê, Francis e a Claire, assim que vocês começarem a assistir vão entender... Ao mesmo tempo que eles conseguem ser foda juntos, eles são tão ambiciosos que tudo isso estraga uma relação que você nunca sabe se é puro interesse ou se tem amor envolvido (pelo menos até a parte que eu estou). 

Mas ainda assim, por favor, assistam essa série maravilhosa! Não vão se arrepender, não pense apenas na temática, não achem que ficarão saturados politicamente falando, vão sair viciados hehe.

Espero que tenham curtido!
Beijão,
Lua



1 comentários:

  1. Oii Luaa
    Confesso que eu estava divida quanto essa serie. Metade de mim queria assistir mas a outra metade não gosta muito de politica.
    Vou tentar dar uma chance e depois te conto o que eu achei ♥
    Beiijo
    Estação 97

    ResponderExcluir

 
© Biblioteca do coração - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda. Se inscrevam clicando aqui
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo