Santa Clarita Diet | Crítica

7 de fev de 2017

Olá, pessoal. 
E em meio tantos lançamentos feitos pela Netflix, no dia 03 de Fevereiro fomos presenteados com uma série bem longe do normal e engraçada. Eu estou falando de Santa Clarita Diet. 
 A série conta a história de Sheilla (Drew Barrymore) e sua família, Joel (Timothy Olyphant) e Abby (Liv Hewson). Joel e Sheilla são um casal comum de corretores de imóveis, que vivem em Santa Clarita. Porém, tudo se transforma após uma manhã atípica em que Sheilla passa muito mal durante uma visitação à umas das casas à venda do casal e acaba vomitando tudo, inclusive, um órgão de seu corpo. 

Resultado de imagem para santa clarita diet

Após o acontecimento, Sheilla percebe que seu coração não bate mais e pede ajuda de seu marido e filha. Não demora para que saibamos o que acontece com a personagem de Barrymore. Com uma refeição baseada em carne humana, a família tenta lidar com a transformação de Sheilla em um zumbi. Porém, além da fome constante, a moça passa a se sentir mais viva do que nunca (o que é um fato irônico e tanto), desinibida e com energia.  
A série te surpreende de inúmeras formas, começando pela fuga do tradicional. A forma como tudo acontece, como Sheilla se transforma e na sua relação com outras pessoas é bem diferente do que estamos acostumados de ver em produções de mortos-vivos. Porém, somos colocados no presente real na maior parte do tempo com os dramas familiares e problemas recorrentes. O primeiro problema é a influência de Sheilla em Abby, que se vê tão motivada pela mãe que acaba decidindo viver a vida como tem vontade, causando um pouco de dor de cabeça ao casal. 


Com a transformação de Sheilla, tudo fica ainda mais engraçado. Começando pela forma como Joel e a mulher optam por conseguir carne para alimentá-la. Em momento algum, deixamos de ver o quão humana Sheilla ainda é, principalmente, quando está para escolher a próxima vítima. O casal busca sempre por maus elementos da sociedade em busca de alimento para ela. Temos, também, a busca incessante de Joel pela cura para sua esposa, o que acaba lhe dando a leve impressão de maluco.  
Santa Clarita é uma série de comédia com terror e muito sangue. Para quem tem o estômago fraco, se prepare. A essência de uma boa trama de zumbis foi mantida. Com muitas tripas, sangue e partes humanas destroçadas, a série nos mantém ciente de que, apesar da bonita e meiga Sheilla tentar se conter, ela ainda é uma morta-viva com muita fome. 


A Netflix nos proporcionou incríveis 10 episódios com muitos palavrões, dramas, reconciliações e mortes hilárias. Ela acaba no exato momento em te fazer pedir por mais. Que venha a segunda temporada. 

2 comentários:

  1. Preciso terminar de assistir a série hahaha
    Parei no 6 epi.. Eu confesso que é algo diferente, mas eu amo a atriz e dou boas risadas com o humor rs

    www.saidaminhalente.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Amanda, tudo bem?
    Eu ainda não conseguir separar um tempo pra assistir a essa série, mas quero muito conferi-la em breve, pois parece ser muito divertida. E eu adoro a Drew, então acho que vou me divertir muito.
    Foi um prazer conhecer o seu blog.
    abraços,
    Amanda Almeida
    http://blog.amanda-almeida.com.br/

    ResponderExcluir

 
© Biblioteca do coração - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda. Se inscrevam clicando aqui
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo