[CRÍTICA] 13 Reasons Why

3 de abr de 2017


Olá meu povo! Tudo numa boa? 
Netflix liberou a tão esperada série 13 Reasons Why e eu fui correndo assistir, já é uma história famosa, pois o livro fez um sucesso danado e olha... A série também! 

ATENÇÃO: A temática da série é muito forte! Para as pessoas que já sofreram bullying, estejam preparadas emocionalmente, o mesmo serve para pessoas que sofreram qualquer tipo de agressão que lhe afetou emocionalmente!


"Era exatamente isso que eu queria para mim. Queria que as pessoas confiassem em mim, apesar de qualquer coisa que tivessem ouvido. E, mais do que isso, queria que me conhecessem. Não aquilo que pensavam saber a meu respeito. Mas eu de verdade."

A série é centrada em Clay, que recebe de uma caixa com 13 fitas, essas fitas foram gravadas por uma amiga que se matou, Hannah. Nessas fitas ela cita os 13 motivos pelo qual se suicidou e para piorar ainda mais a situação, ela sita 13 pessoas que contribuíram para o tal acontecimento. 
Antes de cortar seus pulsos, ela grava essas fitas e deixa na responsabilidade de um colega da escolar e o seu "dever" é passar essa caixa para as 13 pessoas envolvidas, para que elas possam saber o que fizeram.


Apesar de não ter lido o livro, sei que ele fez um sucesso enorme e a série está tomando a mesma proporção! 
A temática é sim pesada e não só por se tratar de um suicídio, mas também pelo rumo da história. 

Quando Clay começa a escutar a fita, é perceptível que algo realmente pesado vai ser revelado e tudo começa com coisas "pequenas", que nos faz reparar que atos que muitas pessoas julgam ser de pouca importância, pode sim tirar a vida de alguém. 
Logo, a história começa com um bullying que era uma "brincadeira" comum nas escolas, aquelas listas de quem é mais bonita ou mais feia, e após aparecer na lista como o a menina com o bumbum mais gostoso da escola, Hannah começa a sofrer assédios por colegas da escola e alguns comentários sobre coisas que ela teria feito, mas que na verdade não fez.

Com isso, vamos percebendo o quanto essa lista fez da vida dela uma infelicidade completa, não só pelos assédio e comentário, mas parece que a partir daí uma coisa vai levando a outra, até chegar em um ápice que ela não pode mais aguentar, foram roubadas sua alegria, seu corpo, sua alma, sua verdade, seu amor. 

"Fiquei pensando em suicídio. Na maioria das vezes, era apenas um pensamento passageiro. Eu queria morrer. Pensei nessas palavras muitas vezes. É algo difícil de dizer em voz alta. É ainda mais assustador quando você sente que pode estar falando sério."


No começo da série, quem está escutando as fitas é o Clay, ele amava a Hannah, mas não tinha coragem de dizer ou demonstrar, ele até tinha a ajuda de um amigo, o Jess, que o incentivava, mas ele sentia muita insegurança, isso de certa forma pode ter contribuído para a morte dela. 
Ele é um personagem maravilhoso e por isso você fica com medo de descobrir exatamente o que ele fez e isso só é revelado na fita 11, ainda assim, ele tem ajuda do Tony, que ficou responsável por repassar as fitas para as 13 pessoas. O tempo inteiro Tony está do lado de Clay, justamente para ele segurar a barra e conseguir ouvir tudo sem fazer besteira. 

Ainda assim, em alguns momentos podemos acompanhar os efeitos que as fitas e a história vai causando em Clay, ele vai descobrindo coisas que o deixa com raiva, perdido e com isso ele vai tomando atitudes que colocam sua vida em risco, isso porquê os outros 12 envolvidos tentam manter a história em segredo por medo do que possam acontecer e Clay apenas quer mostrar que todos deveriam pagar pelo que fizeram e por conta disso ele coloca a vida dele em risco. 

Todos acabam sentindo que o que fizeram realmente foi pesado, não é a atoa que sentem medo daquelas fitas caírem em mãos erradas, ainda mais agora que a escola está sendo processada pelos pais de Hannah que acredita que a filha deve ter sofrido bullying, enquanto a escola garante que não.


O clima da série é de tensão do começo ao final, como eu disse, quem já passou por algo que abalou emocionalmente, é bom ter a cabeça no lugar antes de começar a assistir, pode desencadear sensações fortes e foi exatamente o que aconteceu comigo. 

Chorei muito quando vi que alguns personagens já passaram pelo que passei e inclusive em alguns episódios, é colocado um aviso no início de que podem ter cenas fortes demais de violência e que podem não ser recomendadas.

No geral eu amei a série, ela uma lição de vida, é um aprendizado e foi feita da melhor forma possível, ela aborda um assunto que precisa ser discutido e levado a sério! Ela veio com tudo e veio para arrasar! 
Não sei se a série está fiel ao livro, ainda não li, mas agora estou muito curiosa para dar início a leitura. 

"Às vezes não tem ninguém em volta para mandar você ficar quieto... 
Às vezes você precisa ficar em silêncio quando está completamente sozinho. Como eu, agora, neste instante. Shh"

Não tenho do que reclamar, achei a fotografia maravilhosa, o enredo maravilhoso, amei os personagens e os atores, eles expressaram todo o sentimento que a série queria realmente passar e a trilha sonora é fantástica.

Confesso que chorei muito, é um pacote de emoções que deixaram para gente!!


De 0 a 10 eu dou 10 sem dúvida alguma!!! Espero muito que vocês possam assistir, que entendam a gravidade de alguns atos e que possam refletir em como mudamos a vida das pessoas, ou para melhor ou para pior! 

Espero que tenham curtido,
Beijão,

6 comentários:

  1. Eu concordo em TUDO que você falou!
    Achei tudo perfeito, não tenho do que reclamar sobre a série.Chorei igual uma louca em quase todos episodios e assim como Clay não consegui assistir tudo de uma vez porque parecia que estava sendo sufocada de certa forma. Essa série deveria ser assistida pelo maximo de pessoas possíveis, deveria ser passada nas escolas como forma de conscientizar sobre a forma como tratamos as pessoas. Tambem dou nota 10 para tudo nessa coisa maravilhosa♥
    Blog: www.estacaonoventae7.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!!!
      É maravilhoso ver alguém que compartilha do mesmo! Essa série deveria ser produzida nas escolas sim!
      Beijão

      Excluir
  2. Oi Lua.

    Eu li esse livro no ano passado e percebi algumas mudanças das quais não gostei, mas eu chorei lendo esse livro e já em encontro no 8º episódio, curiosíssima para saber se a série vai seguir o livro ou vai melhorar.
    E sim, apesar de notar as diferenças, eu estou amando a série.
    Em breve vou postar resenhas também.
    Amei a sua.

    Beijos
    Alana Marques
    colecionadoresdelivross.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!!!
      Ai muito bom saber a visão de uma pessoa que leu o livro... Não vi reclamações até agora, mas... Preciso muito ler e já quero ver sua resenha!
      Beijão

      Excluir
  3. Olá Lua, tudo bem?
    Amei a crítica! Estou no nono episódio e estou adorando.
    Já li o livro e admito que não me senti tão impactada quando li. É difícil de acontecer, mas acho que gosto mais da série...rs.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Esther! Tudo ótimo!
      Olha aí... estou doida atrás do livro e é muito bom saber que a série está boa mesmo para quem já leu, assim eu não desanimo haha
      Beijão

      Excluir

 
© Biblioteca do coração - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda. Se inscrevam clicando aqui
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo